Notícia

SEFAZ

Secretaria de Estado da Fazenda de Alagoas



×

Aviso

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 1017

Mostrando itens por tag: NFC

Para celebrar a data daquelas que tanto dedicam amor, carinho e atenção aos seus filhos, a Secretaria de Estado da Fazenda de Alagoas (Sefaz/AL) preparou um sorteio especial de Dia das Mães, nesta sexta-feira (11), pela Nota Fiscal Cidadã (NFC). É que desta vez, serão sorteados R$ 800 mil, garantindo espaço para mais de 2.000 vencedores. O evento acontece às 8h30 na Casa para Velhice Luiza de Marillac, no bairro de Bebedouro.

 

Do montante total, R$ 400 mil serão para a categoria pessoa física/natural e R$ 400 mil para instituição social. Os prêmios variam entre R$ 100 e R$ 40 mil. Serão consideradas aptas ao sorteio as notas fiscais levantadas entre 1º de janeiro e 28 de fevereiro de 2017.

 

Nesta edição, foram gerados 95.710 bilhetes para 40.636 consumidores e 5.676 para 73 instituições. Confira abaixo a lista das premiações, com os respectivos valores, para as duas modalidades citadas.

 

Pessoa física 

a) l (um) prêmio de R$ 40.000,00 (quarenta mil reais);

b) 1 (um) prêmio de R$ 30.000,00 (trinta mil reais);

c) 1 (um) prêmio de R$ 20.000,00 (vinte mil reais);

d) 1 (um) prêmio de R$ 15.000,00 (quinze mil reais);

e) 1 (um) prêmio de R$ 10.000,00 (dez mil reais);

f) 1 (um) prêmio de R$ 5.000,00 (cinco mil reais);

g) 45 (quarenta e cinco) prêmios de R$ 1.000,00 (um mil reais);

h) 70 (setenta) prêmios de R$ 500,00 (quinhentos reais);

i) 2.000 (dois mil) prêmios de R$ 100,00 (cem reais); e

Entidade alagoana de assistência social, sem fins lucrativos

a) fixo de R$ 40.000,00 (quarenta mil reais);

b) variável de R$ 360.000,00 (trezentos e sessenta mil reais), assim distribuídos:

1 (um) prêmio de R$ 40.000,00 (quarenta mil reais);

1 (um) prêmio de R$ 30.000,00 (trinta mil reais);

1 (um) prêmio de R$ 25.000,00 (vinte e cinco mil reais);

1 (um) prêmio de R$ 20.000,00 (vinte mil reais);

1 (um) prêmio de R$ 15.000,00 (quinze mil reais);

4 (quatro) prêmios de R$ 10.000,00 (dez mil reais);

38 (trinta e oito) prêmios de R$ 5.000,00 (cinco mil reais).

 

Na oportunidade, serão inauguradas as reformas na Casa para Velhice Luiza de Marillac. Vale destacar que ao compartilhar suas notas com alguma instituição, dobra as chances de ganhar e ainda pratica a solidariedade, permitindo que a entidade social também possa ser contemplada nos sorteios da NFC. O site oficial para participar é o http://nfcidada.sefaz.al.gov.br/

Informações adicionais

  • Chapéu NESTA SEXTA (11)
  • Bigode Durante evento, serão inauguradas obras na Casa para Velhice Luiza de Marillac, realizadas com dinheiro ganho na campanha
  • Repórter Tatyane Barbosa

No ano passado, o Programa de Educação Fiscal da Secretaria de Estado da Fazenda de Alagoas desafiou os alunos da Escola Estadual Dom Constantino Luers a conseguirem novos adeptos para a Campanha Nota Fiscal Cidadã (NFC). Os estudantes deveriam ainda incentivar os consumidores a adotarem o compartilhamento de notas fiscais com o Instituto Céu Aberto ou com a Comunidade Gênesis. O resultado não poderia ser melhor: aproximadamente 800 novos CPFs cadastrados na NFC.

 

As três turmas que mais acumularam cadastros válidos no sistema ganharam troféus e medalhas. E a equipe vencedora pôde desfrutar de uma viagem com todas as despesas pagas, pela prefeitura de Campo Alegre, para a Pousada Fazenda Fiore nesta sexta-feira (27).

 

Para o coordenador da secretaria de Indústria e Comércio do município, Denis Souza, a Gincana Solidária foi uma iniciativa de solidariedade e cidadania, que integrou mais de 900 estudantes. O projeto colaborou com a disseminação do bem, ajudando principalmente quem mais precisa: as instituições sociais. Além disto, ensinou os alunos a importância de se pedir a nota fiscal nas compras efetuadas.

 

“Além de recompensar os estudantes pelo esforço e dedicação, o dia de hoje funcionou como um momento de reflexão e resgate para o caráter nobre de tudo que fizemos. Como uma espécie de lembrete. Juntos somos mais fortes. A NFC tem muito disso, de unir as pessoas em prol da cidadania”, conclui.

Informações adicionais

  • Chapéu RECOMPENSA
  • Bigode Ação envolveu estudantes de Campo Alegre e premiou equipe vencedora com viagem; quase mil novos CPFs foram cadastrados durante projeto
  • Repórter Ascom Sefaz

Sala lotada, rostos apreensivos de ansiedade e no coração de todos apenas um sentimento: a vontade de fazer o bem. A Secretaria de Estado da Fazenda de Alagoas (Sefaz/AL) realizou, nesta segunda-feira (9), mais um sorteio do programa Nota Fiscal Cidadã (NFC). Se esse cenário já é conhecido e costumeiro, a alegria que invade o ambiente a cada resultado divulgado parece ser sempre inédita. Como se sonhos e ânimos fossem renovados. Vale ressaltar que em 2018, a NFC sorteará R$ 800 mil em cada ciclo. O valor será repartido entre pessoas físicas e entidades sociais.

 

A grande instituição campeã dessa rodada foi o Abrigo São Vicente de Paula, que levou R$ 40 mil. O Centro Espírita Francisco Fialho ganhou R$ 30 mil, a Associação dos Pais e Amigos dos Leucêmicos de Alagoas, R$ 25 mil, a Casa para Velhice Luiza de Marillac, R$ 20 mil, e o Lar Francisco de Assis ficou com R$ 15 mil.

 

Para o sorteio desta manhã, foram consideradas notas emitidas entre 1º de novembro e 31 de dezembro de 2017. Ao todo foram gerados 144.007 bilhetes oriundos das notas fiscais e 7.554 bilhetes de 72 instituições participantes. Mais de 53 mil consumidores participaram.

 

De acordo com o presidente do Abrigo São Vicente de Paula, Eudes Inácio, a conquista significa mais um passo de uma caminhada repleta de desafios. “A Nota Fiscal Cidadã é uma forma bacana do imposto que pagamos retornar para a sociedade.” Trata-se da terceira vez que a instituição é agraciada com os recursos da campanha. “Com esses R$ 40 mil vamos consertar o telhado e fazer a parte hidráulica do abrigo. Precisamos recuperar alguns espaços e fazer algumas divisões de salas”, explica.

 

Confira abaixo os ganhadores da categoria Pessoa física:

 

1º R$ 40.000,00 Elton Alves dos Santos Silva

 

 2º R$ 30.000,00 Evenildo Ribeiro Silvério

 

3º R$ 20.000,00 Yara de Melo Aciole

 

4º R$ 15.000,00 Edmilson Batista Gonçalves

 

5º R$ 10.000,00 Ubiratan Silveira Jatobá

 

Para conhecer todos os vencedores do Sorteio de Páscoa, a lista pode ser encontrada no site da campanha (nfcidada.sefaz.al.gov.br/resultados).

 

Novos números

 

O Programa Nota Fiscal Cidadã conta com 75.736 cadastros ativos. Apenas em 2018, 5.289 contribuintes aderiram à campanha. Vale destacar que, ao pedir o CPF na nota, e se cadastrar na NFC é possível compartilhar notas fiscais com algumas das 72 instituições cadastradas e aptas no programa. A cada 10 notas fiscais o consumidor ganha um cupom para sorteio. Caso compartilhe, dobra suas chances de ganhar. O site oficial para participar é o http://nfcidada.sefaz.al.gov.br/.

Informações adicionais

  • Chapéu CIDADANIA
  • Bigode Abrigo São Vicente de Paula levou maior prêmio nessa rodada da NFC; mais de 53 mil consumidores participaram
  • Repórter Felipe Miranda

O Programa Nota Fiscal Cidadã (NFC) continua a realizar sonhos. Desta vez, a contemplada foi a Associação Educacional e Assistencial – Casa dos Amarelinhos que, graças ao dinheiro ganho na Campanha,  concretizou o seu projeto. Com uma série de reformas e aquisições, a instituição transformou sua sede.

 

Em seis sorteios, a entidade foi premiada, totalizando R$ 40 mil. Dos feitos, estão à compra de material de esporte e instrumentos musicais, bem como a revitalização da quadra, ajustes na piscina e na sala de música. A Secretaria de Estado da Fazenda de Alagoas (Sefaz/AL) participou, nesta segunda-feira (9), do momento de celebração dos itens conquistados.

 

De acordo com a diretora da Casa dos Amarelinhos, Ana fragoso, a obtenção dos equipamentos pela verba recebida da NFC ajudou a incrementar o espaço da música. “A campanha facilita na manutenção das nossas atividades. A Sefaz, por meio da Nota Fiscal Cidadã, nos proporciona ganhos incríveis”.

 

São atendidas pela associação 298 crianças com atividades esportivas no contraturno escolar; 240 jovens com cursos profissionalizantes, na área de informática, comunicação, vendas e varejo; 100 famílias com donativos de alimentação e 65 idosos. Os assistidos vivem em situação de risco e vulnerabilidade social na região sul da capital, referente aos bairros da Ponta Grossa, Vergel, Trapiche, Brejal e Prado.

 

Para a chefe especial de Educação Fiscal, Glacia Tavares, só há vantagens na campanha. O compartilhamento de notas fiscais não serve apenas para participar de sorteios. Mas também dá a oportunidade de as instituições participarem do prêmio fixo, estipulado como 10% do total a ser sorteado.

 

“Com mil notas, a entidade já participa do ‘rateio’. Desta forma, a instituição social cadastrada na campanha pode ser contemplada duas vezes ou pelo menos uma em cada sorteio”, enfatiza. Mais informações sobre o prêmio fixo e variável podem ser encontradas na Instrução Normativa SEF Nº 44, disponível no site da Fazenda, no item Legislação Estadual.

 

 

Entidade cadastrada no Programa Nota Fiscal Cidadã comemora feitos com o dinheiro ganho na campanha (Felipe Miranda) Entidade cadastrada no Programa Nota Fiscal Cidadã comemora feitos com o dinheiro ganho na campanha (Felipe Miranda) Entidade cadastrada no Programa Nota Fiscal Cidadã comemora feitos com o dinheiro ganho na campanha (Felipe Miranda) Entidade cadastrada no Programa Nota Fiscal Cidadã comemora feitos com o dinheiro ganho na campanha (Felipe Miranda)

 

 

 

 

 

Informações adicionais

  • Chapéu NOVA ETAPA
  • Bigode Inauguração aconteceu nesta segunda-feira (9) no bairro de Ponta Grossa
  • Repórter Tatyane Barbosa

A Secretaria de Estado da Fazenda de Alagoas (Sefaz/AL) realiza, nesta segunda-feira (9), mais uma edição do sorteio da Nota Fiscal Cidadã (NFC). Desta vez, serão sorteados R$ 800 mil, em celebração ao mês da Páscoa. O evento acontece às 9h, na Associação Educacional e Assistencial – Casa dos Amarelinhos, no bairro da Ponta Grossa.

 

Do montante total, R$ 400 mil serão para a categoria pessoa física/natural e R$ 400 mil para instituição social. Os prêmios variam entre R$ 40 mil e R$ 100 mil. Serão consideradas aptas ao sorteio as notas fiscais levantadas entre 1º de novembro e 31 de dezembro de 2017.

 

Para a ocasião, foram gerados 144.007 bilhetes para 53.062 consumidores e 7.544 para 72 instituições. Confira abaixo a lista das premiações, com os respectivos valores, para as duas modalidades citadas.

Serão sorteados R$ 800 mil, distribuídos entre pessoa física e entidades sociais

 

 

 

Pessoa natural

a) l (um) prêmio de R$ 40.000,00 (quarenta mil reais);

b) 1 (um) prêmio de R$ 30.000,00 (trinta mil reais);

c) 1 (um) prêmio de R$ 20.000,00 (vinte mil reais);

d) 1 (um) prêmio de R$ 15.000,00 (quinze mil reais);

e) 1 (um) prêmio de R$ 10.000,00 (dez mil reais);

f) 1 (um) prêmio de R$ 5.000,00 (cinco mil reais);

g) 45 (quarenta e cinco) prêmios de R$ 1.000,00 (um mil reais);

h) 70 (setenta) prêmios de R$ 500,00 (quinhentos reais);

i) 2.000 (dois mil) prêmios de R$ 100,00 (cem reais); e

Entidade alagoana de assistência social, sem fins lucrativos

a) fixo de R$ 40.000,00 (quarenta mil reais);

b) variável de R$ 360.000,00 (trezentos e sessenta mil reais), assim distribuídos:

1 (um) prêmio de R$ 40.000,00 (quarenta mil reais);

1 (um) prêmio de R$ 30.000,00 (trinta mil reais);

1 (um) prêmio de R$ 25.000,00 (vinte e cinco mil reais);

1 (um) prêmio de R$ 20.000,00 (vinte mil reais);

1 (um) prêmio de R$ 15.000,00 (quinze mil reais);

4 (quatro) prêmios de R$ 10.000,00 (dez mil reais);

38 (trinta e oito) prêmios de R$ 5.000,00 (cinco mil reais).

 

Na oportunidade, serão inauguradas as reformas na Casa dos Amarelinhos. Dentre elas, a pintura da associação, revitalização da quadra de esportes e aquisição de instrumentos musicais. Tudo isso com o dinheiro ganho na campanha.

 

Vale destacar que ao pedir o CPF na nota e se cadastrar na NFC é possível compartilhar notas fiscais com algumas das 75 instituições cadastradas e aptas no programa. A cada 10 notas fiscais o consumidor ganha um cupom para sorteio. Caso compartilhe, dobra suas chances de ganhar. O site oficial para participar é o http://nfcidada.sefaz.al.gov.br/

Informações adicionais

  • Chapéu SORTEIO
  • Bigode Evento acontece às 9h na Casa dos Amarelinhos, onde também haverá inauguração de obras com o dinheiro ganho na campanha
  • Repórter Tatyane Barbosa
Tagged sob

Mais uma entidade social abriu as portas para mostrar os resultados das obras realizadas com recursos da Nota Fiscal Cidadã. Nesta terça-feira (27), a equipe da Secretaria de Estado da Fazenda de Alagoas (Sefaz/AL) esteve na Juvenópolis, em Bebedouro, para conferir de perto a inauguração do benefício alcançado.

Isabelle Monteiro

 

A instituição, que existe há 70 anos, é cadastrada no programa há pouco mais de um e tinha o projeto de reformar as dez salas de aula e os banheiros do local. Sonho que se tornou possível após ser sorteada algumas vezes, recebendo cerca de R$ 25 mil. A partir disto e com a excelente aplicação do dinheiro recebido, o grupo pode fazer toda a pintura, colocar forro no teto, utilizar divisórias e até melhorar a área recreativa.

 

É como conta uma das responsáveis pela administração da entidade, a irmã Glória Targino. “Nós atendemos a mais de 300 crianças, entre 4 e 16 anos. Ttínhamos o forte desejo de melhorar as condições das dependências que elas utilizam aqui dentro. Agora, elas terão mais conforto e segurança no dia a dia de estudos”.

 

Isabelle Monteiro

 

A Juvenópolis realiza trabalhos com crianças da região de Chã da Jaqueira, Chã de Bebedouro, Vila Padre Pires e Luíz Pedro. “Todos os dias, elas tomam café e almoçam; outro grupo chega almoça e janta. Nossa gestão está aqui há 10 anos e, além da alimentação, oferecemos a estrutura física, material escolar e fardamento”, ressalta a irmã Glória, acrescentando que o grupo atende também a cerca de 70 dependentes químicos e recolhe mulheres de rua por meio de outra instituição vinculada.

 

Quem quiser conhecer esse trabalho e os resultados adquiridos por meio da Nota Fiscal Cidadã, a entidade está localizada na Rua Marquês de Abrantes, s/n – Bebedouro, ao lado do Parque Municipal.

 

 

Isabelle Monteiro Isabelle Monteiro Isabelle Monteiro
Isabelle Monteiro Isabelle Monteiro Isabelle Monteiro

Informações adicionais

  • Chapéu INAUGURAÇÃO
  • Bigode Juvenópolis conseguiu reformar dez salas de aula com a aplicação de recursos da campanha
  • Repórter Isabelle Monteiro
Tagged sob

Com a disseminação da campanha Nota Fiscal Cidadã (NFC), muitos alagoanos e instituições sociais cadastradas concorrem a diversos prêmios em dinheiro. Além disto, o Programa propõe a solidariedade e os impostos arrecadados ajudam na construção de um Estado mais consciente, realizando diversos investimentos nas áreas da educação, saúde e segurança. A iniciativa tem influenciado várias pessoas a realizarem doações às entidades sem fins lucrativos.

 

A exemplo da Associação Beneficente Santa Lúcia que ajuda e é ajudada por mais de 15 instituições sociais. Se há excedente em alguma delas, é cedido para outra que não possui ou ainda não tem o suficiente para sua demanda.

 

Os donativos recebidos são diversos: alimentos, roupas, calçados, acessórios, móveis novos e usados, brinquedos, cadeira de rodas, fraldas infantil e geriátrica, etc. “Não temos dia nem hora para receber essas doações”, afirma a coordenadora da Associação Santa Lúcia, Maria José Francisco Pauferro.

 

A Associação Beneficente Santa Lúcia ampara e promove pessoas há 21 anos. Atualmente, atende 156 crianças e 4.604 famílias diretas e indiretamente. Oferta cursos profissionalizantes, creche, escola, reforço, aulas de dança e informática.

 

“Além de ajudarmos a fundar instituições em todo o Estado e a se legalizarem. O programa Nota Fiscal Cidadã trouxe para nós, as instituições não governamentais, autoestima, credibilidade, conhecimento, partilha e amor ao próximo”, salienta Pauferro.

 

Outro exemplo é do departamento da Polícia Militar de Alagoas (PM/AL) que partilhou mais de 700 pacotes de leite e 40 fraldas geriátricas entre a Associação Acolhimento Mãe das Graças, a Associação Beneficente Santa Terezinha, a Casa para Velhice Luiza Marillac e o Instituto Espírita Manoel Batista, todas cadastradas na NFC. A ação aconteceu nesta quarta-feira (21) no comando geral da PM/AL, centro.

 

A Chefe especial de Educação Fiscal, Glacia Tavares, enfatiza que a campanha intensifica a cidadania e solidariedade. “O programa explica nas escolas qual é o papel do cidadão e do estado na construção de uma sociedade mais justa e igualitária. Ao ajudar outras pessoas, você também é beneficiado. Quem doa notas fiscais, dobra a quantidade de bilhetes eletrônicos para concorrer aos sorteios”.

 

Conheça as contempladas da vez

A Associação Acolhimento Mãe das Graças atua desde 2009. Há um ano participante da campanha, já ganhou aproximadamente R$ 75 mil que vai colaborar na compra de um veículo para ajudar no deslocamento dos 54 assistidos. Em sua maioria, acolhe idosos de baixa renda, por entender que fazem parte de um contexto social de exclusão.

 

Já a Associação Beneficente Santa Terezinha atende 132 crianças mais 600 famílias. Fundada em 1985, oferece ensino infantil, creche com esporte e informática para os pequenos, além de quatro refeições diárias. Para os adultos, dispõe de cursos profissionalizantes. Inscrita no Programa há um ano e meio, conquistou R$ 30 mil e pretende utilizar na aquisição de um novo automóvel.

 

Graças à campanha, a Casa para Velhice Luiza Marillac conseguiu acumular cerca de R$ 140 mil, promovendo uma série de reformas estruturais na sede. A entidade existe há mais de 60 anos e atende 38 idosas. Oferta moradia, assistência a saúde, alimentação, fisioterapia, lazer, inclusão social e cultural as idosas residentes. É beneficiada pela NFC desde 2016.

 

O Instituto Espírita Manoel Batista desenvolve trabalhos de assistência com oficinas para 30 gestantes e 50 idosos. Também auxilia 80 crianças, de 03 a 06 anos do pré-escolar (turno manha e tarde), com alimentação fornecida diariamente. Com mais de R$ 100 mil recebidos pela NFC, pôde reformar a estrutura física das salas de aulas, garantindo maior comodidade para os envolvidos. E é participante desde o início do Programa.

 

Para quem quiser ajudar as instituições mencionadas, basta entrar no link http://nfcidada.sefaz.al.gov.br/, adotar uma delas para compartilhar notas fiscais e/ou fazer sua doação pessoalmente na entidade, conforme endereço divulgado no site.

Informações adicionais

  • Chapéu CIDADANIA
  • Bigode Entidades sem fins lucrativos podem ser beneficiadas por qualquer pessoa física, órgão ou empresa
  • Repórter Tatyane Barbosa
Tagged sob

Vantagem, comodidade e segurança. Esses, somados ao estímulo da solidariedade e cidadania, são pontos encontrados no programa Nota Fiscal Cidadã (NFC). Prova disso é que 336 consumidores alagoanos solicitaram, entre novembro e dezembro, que os créditos gerados pela campanha fossem utilizados como desconto no IPVA 2018, totalizando R$ 31.930,73 poupados.

 

Para obter algum desconto por meio dos créditos da NFC, basta informar o CPF no ato de qualquer compra e, posteriormente, requerer no sistema da campanha, durante o período de disponibilização, ou seja, entre o início de novembro a 31 de dezembro.

 

O analista de sistemas Caio Santos já solicitou duas vezes essa operação e se mostra bastante satisfeito. “É muito bacana o cidadão escolher onde quer utilizar a porcentagem do ICMS recolhido que retorna devido ao programa. Serve como incentivo para sempre pedir o CPF na nota e praticar a cidadania ao exigir o documento fiscal pelo estabelecimento”.

 

Àqueles consumidores que não utilizaram os créditos em desconto no IPVA podem transferir o dinheiro para sua conta corrente ou poupança. Como os créditos são pessoais e intransferíveis, apenas devem ser utilizados pelo titular da conta.

 

IPVA 2018

 

A Secretaria de Estado da Fazenda de Alagoas (Sefaz/AL) calcula automaticamente os abatimentos no IPVA para a emissão dos boletos de pagamento, os quais estarão disponíveis a partir do dia 9, no Espaço do Contribuinte pelo link www.sefaz.al.gov.br.

 

Os contribuintes que optarem por quitar o imposto em cota única será concedido desconto de 10% (dez por cento), contanto que o pagamento integral seja efetuado até o dia 28 de fevereiro.

 

Há ainda a possibilidade de parcelar os débitos de IPVA do ano vigente em até seis vezes. As mensalidades não podem ser inferiores ao valor de R$ 100.

Informações adicionais

  • Chapéu MAIS BENEFÍCIOS
  • Bigode Foram realizadas 336 solicitações entre os meses de novembro e dezembro de 2017
  • Repórter Tatyane Barbosa

O governador Renan Filho e o secretário de Estado da Fazenda, George Santoro, visitaram, na manhã desta quarta-feira (3), o Abrigo Luiza de Marillac, localizado no bairro do Bebedouro, em Maceió. A instituição é um dos 72 projetos sociais beneficiados pela Campanha Nota Fiscal Cidadã (NFC).

 

Renan Filho garantiu que vai fortalecer e ampliar a Campanha, que ganhou um caráter mais social em sua gestão.

 

"O pior destino para o imposto dado é a apropriação dele para a transformação em lucro, porque imposto é recurso público, que precisa ser transformado em políticas públicas. A Nota Fiscal Cidadã é um instrumento muito importante porque premia o cidadão por meio de sorteios, a quem pede a nota, mas, sobretudo, premia instituições de caridade - e essa foi a nossa inovação -, que fazem um serviço muito importante para a sociedade e muitas vezes até melhor que o poder público", declarou o governador.

Por meio dos recursos arrecadados com a NFC, de caráter solidário, o Abrigo Luiza de Marillac recebeu melhorias, que transformaram para melhor a realidade da instituição. A entidade existe há mais de 60 anos e atende 38 idosas.

 

Graças à campanha, foi possível promover uma série de reformas estruturais na sede da instituição com o montante de R$ 130 mil obtidos em oito sorteios do programa da Secretaria de Estado da Fazenda de Alagoas (Sefaz/AL).

 

De acordo com a coordenadora administrativa do Abrigo Luiza de Marillac, Solange Leopoldino, a reforma vai possibilitar o acolhimento de mais 25 idosas, além das 38 já assistidas.

"Nós estávamos há quase quatro anos tentando terminar aquela obra da área administrativa e a gente não estava conseguindo porque o orçamento não dava. Graças à Nota Fiscal Cidadã, fomos sorteados e hoje estamos em fase final de construção", revelou Solange.

 

Chegada ao abrigo há cinco meses, a paulistana decendente de italianos, Ruth Bernini Monteiro, 85 anos, faz questão de ressaltar a organização da Casa, que passou a ser o lar dela.

 

"Olha, meu filho, falando de coração: gostei demais daqui. Eles são muito atenciosos, as coisas são muito bem organizadas e existe hora pra tudo. Não tenho do que me queixar", confessou dona Ruth.

Para aderir à Campanha Nota Fiscal Cidadã e realizar o compartilhamento das notas fiscais com algum projeto social, o consumidor deve solicitar o cadastro por meio do site www.sefaz.al.gov.br/nfc, e incluir o CPF nas compras diversas em estabelecimentos comerciais para acumular créditos.

 

O governador destacou a importância de aderir à Campanha e disse que os contribuintes não precisam ter receio de apresentar o CPF no momento da compra. "Não há nenhuma fiscalização para quem compra. Essa é uma maneira de estimular o cidadão que faz aquisição de um produto, bem ou serviço, a ajudar na arrecadação do Estado. A Sefaz estimula o pedido da nota para combater a sonegação fiscal. Quando o imposto não é pago, imediatamente o cidadão é lesado, porque esse recurso é público. Ele vai se transformar em escolas, hospitais, em segurança pública, em obras de infraestrutura e em trabalhos sociais como esse", explicou Renan Filho.

 

Segundo o secretário George Santoro, a Nota Fiscal Cidadã tem captado novos contribuintes, fazendo com que o Programa ganhe corpo em Alagoas. O reflexo disso é o aumento da arrecadação e a melhoria dos serviços prestados pelo Estado à sociedade.

"Ao pedir sua nota fiscal, o contribuinte está fazendo com que aquele empresário seja obrigado a recolher o tributo. Esse tributo vai ser revertido em ações do governo. O Estado de Alagoas, para você ter uma ideia, em 2015, era altamente dependente de transferências federais. Nós estamos iniciando 2018 com esse cenário totalmente mudado. Hoje, o Estado de Alagoas tem mais de 60% de arrecadação própria, o contrário do que ocorria em 2015", analisou o secretário da Fazenda.

 

Acompanhados pelo cônego Walfran Fonseca, presidente da instituição, o governador e o secretário da Fazenda conheceram as instalações do Abrigo Luiza de Marillac, inclusive as obras em curso.

Informações adicionais

  • Chapéu BEBEDOURO
  • Bigode Renan Filho destaca a importância da campanha que será fortalecida e ampliada em Alagoas
  • Repórter Severino Carvalho

O caráter solidário da Nota Fiscal Cidadã (NFC) tem gerado inúmeras mudanças positivas para os 72 projetos sociais participantes da Campanha. E, uma das instituições que vem transformando a sua realidade por meio de recursos da NFC é o Abrigo Luiza de Marillac, localizado no Bebedouro, que nesta quarta-feira (3), às 10h, recebe a visita do governador Renan Filho e do secretário de Fazenda George Santoro.

 

A entidade, que atende até 40 idosas, tem promovido uma série de reformas estruturais em sua sede com o montante adquirido em oito sorteios do programa da Secretaria de Estado da Fazenda de Alagoas (Sefaz/AL). Até o momento, o abrigo já foi premiado com cerca de R$ 130 mil.

 

“Graças a Campanha, conseguimos retomar uma obra que estava parada há quatro anos, realizando melhorias em nossos serviços que há mais de 60 anos assiste idosas de todo Estado”, explica a coordenadora administrativa do abrigo, Solange Araújo.

 

Na ocasião, a gerente do Programa de Educação Fiscal, Glacia Tavares, ainda explicará como os projetos sociais e os cidadãos são beneficiados com o Programa. “Quando o consumidor aciona o compartilhamento de cupons com alguma entidade, ele dobra as suas chances de ganhar no sorteio”, complementa Glacia.

 

Para aderir à Campanha e realizar o compartilhamento das notas fiscais com algum projeto social, o consumidor deve solicitar o cadastro por meio do site www.sefaz.al.gov.br/nfc, e incluir o CPF nas compras diversas em estabelecimentos comerciais para acumular créditos.

 

 

Caio Loureiro Caio Loureiro

Informações adicionais

  • Chapéu CIDADANIA
  • Bigode Governador Renan Filho visita instituição filantrópica nesta quarta-feira (3), às 10h
  • Repórter Débora Vieira
Página 4 de 6