Notícia

SEFAZ

Secretaria de Estado da Fazenda de Alagoas



×

Aviso

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 1017
Terça, 11 June 2024 10:26

Sefaz visita instituições sociais cadastradas na Nota Fiscal Cidadã no interior de Alagoas

Instituições sociais ficam localizadas no interior de Alagoas Instituições sociais ficam localizadas no interior de Alagoas Victor Xavier

A equipe do Programa de Educação Fiscal (PEF) da Secretaria de Estado da Fazenda de Alagoas (Sefaz-AL) visitou, na sexta-feira (07), duas instituições sociais do interior que fazem parte da campanha Nota Fiscal Cidadã (NFC): a Associação dos Agricultores e Agricultoras do Município de Minador do Negrão (AAA-MN) e a Comunidade Acolhedora São Paulo Apóstolo, em Coité do Nóia.

Segundo Juliane Calheiros, chefe de Educação Fiscal da Sefaz, as visitas foram feitas com o objetivo de acompanhar as aquisições e reformas realizadas pelas entidades sociais com os recursos adquiridos a partir dos sorteios do programa. “Vimos tudo que as instituições fizeram com os recursos públicos recebidos por meio da NFC, recursos estes vindos dos tributos arrecadados pelo Estado. Foram muitos feitos que aprimoram os serviços prestados à população local”, disse.

 

 

Associação dos Agricultores e Agricultoras do Município de Minador do Negrão

Cadastrada na NFC desde 2020, a associação foi fundada em 2013 e atende mais de mil pessoas da região de Minador do Negrão, interior de Alagoas. O foco principal da AAA-MN é na área de agricultura, mas também trabalha com esporte e educação. José Antonio, coordenador da entidade e captador de recursos, afirma que com a campanha, já conseguiram mais de R$ 104 mil em prêmios, possibilitando adquirir diversos equipamentos que dão uma cara nova à instituição.

“É uma campanha de extrema qualidade, quero agradecer a toda equipe da Sefaz por isso. Com a campanha, conseguimos comprar ar condicionado, freezer, cadeiras, notebook, fornos para assar bolo, bancada e muitos outros equipamentos. Deixo aqui um convite para todas instituições ainda não cadastradas na NFC para que façam isso”, comenta.

 

 

Comunidade Acolhedora São Paulo Apóstolo

A instituição é localizada no município de Coité do Nóia e trabalha acolhendo pessoas com dependência de substâncias químicas. Eles começaram a fazer parte da NFC em 2017 e, desde então, já arrecadaram mais de R$ 175 mil em prêmios.

“Através de prêmios e recursos da NFC, tivemos a possibilidade de fazer diversas reformas e ampliações. Entre elas, as mais significativas, o nosso laboratório de informática e a nossa residência terapêutica, local destinado àquelas pessoas que estão concluindo o seu período de acolhimento. Então, estar cadastrado na campanha é uma satisfação imensa, nosso fraterno abraço e eterna gratidão para toda a equipe que compõe a Nota Fiscal Cidadã”, disse Antônio Carlos, coordenador Técnico da entidade.