Notícia

SEFAZ

Secretaria de Estado da Fazenda de Alagoas
Terça, 24 March 2020 18:31
MEDIDAS PREVENTIVAS

Comitê de Gerenciamento de Impactos Econômicos se reúne para definir estratégias que enfrentem a queda da atividade econômica em Alagoas

Reunião aconteceu, nesta terça-feira (24), em transmissão online com representantes do Grupo

Encontro acontece com intuito de minimizar danos econômicos no Estados de Alagoas Encontro acontece com intuito de minimizar danos econômicos no Estados de Alagoas Ascom Sedetur
Texto de Tatyane Barbosa

O Comitê de Gerenciamento de Impactos Econômicos se reuniu, nesta terça-feira (24), em transmissão online, com o setor privado e os bancos públicos, para definir estratégias de enfrentamento quanto a redução da atividade econômica causada pelo Coronavírus (Covid-19) no Estado de Alagoas.

Na ocasião, foi apresentado o cenário econômico-fiscal do Estado diante a crise do Covid-19, bem como as medidas tributárias já adotadas, além de abrir para os setores relatarem suas situações e apresentarem as providências que estão sendo estudadas e viabilizadas pelos Bancos para o cenário atual.

“O encontro foi muito produtivo. A oferta de crédito nesse momento é fundamental e foi exposta pelos bancos, que apresentaram produtos para ajudar o setor produtivo e as empresas que estão sem faturamento, assim como propostas para negociar dívidas antigas. Nosso objetivo principal é atender aos cidadãos alagoanos em meio à crise nacional de saúde causada pelo vírus, numa posição proativa para minimizar os efeitos causados”, ressalta o secretário de Estado da Fazenda, George Santoro.

Estiverem presentes na conferência representantes do Gabinete Civil; da Secretaria da Fazenda (Sefaz-AL); Secretaria de Estado do Planejamento, Gestão e Patrimônio (Seplag); Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur); do Banco do Brasil; da Caixa Econômica Federal; do Banco do Nordeste do Brasil e da Agência de Fomento de Alagoas (Desenvolve).

Participaram ainda membros da Federação das Indústrias (Fiea); Federação do Comércio (Fecomércio); Associação Comercial de Maceió; do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae); da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (Abihal); Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) e Associação do Comércio Atacadista e Distribuidor (Acadeal).

A próxima reunião está marcada o dia 27 de março. O intuito é orientar e acompanhar as ações de prevenção, controle e redução das alterações nocivas à realidade econômica ocasionada pelos reflexos das medidas sanitárias de isolamento e afastamento social, dentre outras que venham a ser adotadas pelo Poder Executivo Estadual e Federal.

Sobre o Comitê

Instituído para coordenar as ações estratégicas em resposta aos impactos econômicos no Estado de Alagoas ocasionados pela pandemia do Covid-19, o Comitê de Gerenciamento de Impactos Econômicos tem o objetivo de dar suporte às decisões do Poder Executivo.

O Comitê visa ainda organizar uma agenda de medidas que diminuam os efeitos nocivos à economia decorrentes da crise do Coronavírus, com competência extraordinária para avaliar os danos aos diversos setores de economia local, sugerindo medidas necessárias para prevenir, obstar e contê-los.