Notícia

SEFAZ

Secretaria de Estado da Fazenda de Alagoas
Quinta, 24 October 2019 17:30
NO SITE

Secretaria da Fazenda disponibiliza consultas para cálculos dos impostos estaduais

Na plataforma, serão encontradas movimentações tributárias referentes aos contribuintes cadastrados

Cálculo Automático é encontrado dentro do ícone Cobrança de Documentos FiscaisEletrônicos no Portal do Contribuinte Cálculo Automático é encontrado dentro do ícone Cobrança de Documentos FiscaisEletrônicos no Portal do Contribuinte Ivo Neto
Texto de Layla Oliveira

O Cálculo Automático é mais uma iniciativa lançada pela Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz-AL), por meio do programa Contribuinte Arretado, com o intuito de estreitar laços com o contribuinte alagoano. Rápido, simples e seguro, a ferramenta promete otimizar todo o processo, dispensando cálculos manuais e garantindo maior transparência e segurança para liquidar obrigações tributárias.

 

Os impostos contemplados no sistema são: Fundo Estadual de Combate e Erradicação da Pobreza (Fecoep), Antecipado, Substituição Tributária (ST) e Diferencial de Alíquotas (Difal).

 

O acesso a essas informações deve ser feito pelo site da Fazenda (sefaz.al.gov.br), no espaço Portal do Contribuinte. A autenticação é realizada por meio do usuário e senha que os contribuintes inscritos no Estado de Alagoas já possuem. Caso esses dados não sejam conhecidos pelo requerente é necessário enviar um e-mail para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo., solicitando o login.

 

O Cálculo Automático é encontrado dentro do ícone Cobrança de Documentos Fiscais Eletrônicos, após o usuário ter autenticado sua entrada. Em seguida, o contribuinte é redirecionado para a página “Minhas Cobranças, na qual vai encontrar todos os lançamentos tributários derivados do Cálculo.

 

“A ideia é disponibilizar os cálculos dos impostos estaduais na mesma plataforma para que o acesso seja rápido e simplificado, além de ser uma consulta detalhada da movimentação tributária do contribuinte”, explica o secretário especial da Receita Estadual, Luiz Dias.

 

O passo a passo para utilização desta nova ferramenta pode ser conferido no canal da Sefaz no YouTube.