Notícia

SEFAZ

Secretaria de Estado da Fazenda de Alagoas
Quarta, 14 October 2015 16:57

Conta Única do Tesouro aprimora gestão financeira estadual

Texto de Ascom Sefaz

O secretário de Estado da Fazenda, George Santoro, apresentou, na manhã desta terça (13), as novas diretrizes de gestão financeira definidas pela Conta Única do Tesouro Estadual, instituído pelo Decreto nº 43.797/2015, para mais de 70 representantes de setores financeiros das secretarias estaduais.

A Conta Única modifica toda a rotina financeira do estado e permite que a Secretaria de Estado da Fazenda tenha maior possibilidade de planejamento e aplicação dos recursos geridos mensalmente.

Como explicou Santoro, Alagoas conta, atualmente, com cerca de 800 contas bancárias para realização de procedimentos financeiros, o que dificulta a organização orçamentária estadual, sendo a Conta Única uma importante ferramenta para o aperfeiçoamento da administração pública.

“Queremos simplificar todos os procedimentos financeiros em Alagoas seguindo padrões já adotados em quase todos os estados da federação, garantindo o controle das nossas despesas e permitindo que tenhamos maior capacidade de aplicação dos nossos recursos”, ressaltou Santoro.

 Como exemplo dos benefícios da implantação da Conta Única, o secretário da Fazenda citou o estado do Ceará, que adotou um modelo gerencial cujo resultado foi a obtenção do melhor índice de aplicação de recursos entre os estados da federação, otimizando significativamente a receita.

 As diretrizes da Conta Única serão implantadas gradualmente em Alagoas, observando fatores como controle, transparência e segurança para que as secretarias possam se habituar à nova rotina, como destacou o superintendente do Tesouro Estadual, Paulo Castro.

 “Todo o estado passa a trabalhar com datas fixas mensais para pagamentos de despesas, facilitando, assim, o registro e a contabilidade de todas as nossas ações financeiras e, consequentemente, mais controle de caixa e maior margem de investimento”, esclareceu.